terça-feira, julho 28, 2009

Assembleia-geral


O único ponto da ordem de trabalhos parece, à partida, ser pacífico. Ainda assim, julgo pertinente os sócios marcarem presença. Sinal de preocupação para com a vida interna do clube, a poucos dias do início oficial da nova temporada. Hoje, pelas 20.30h

segunda-feira, julho 27, 2009

Festejos do basquetebol beiramarense

O título nacional conquistado diante do Ginásio Olhanense foi festejo com toda a pompa e circunstância pela equipa sénior masculina do Beira-Mar.
O «velhinho» pavilhão no Alboi foi transformado de modo a que os atletas dessem azo a inacreditáveis malabarismos. Até motos lá estavam.
Em exclusivo, este blogue divulga o vídeo. Inédito... e adequado a um grupo que fez história.
Vejam e revejam!
video

domingo, julho 26, 2009

Alvoroço à Beira-Mar


Os resultados do Beira-Mar nesta pré-época têm deixado muito a desejar. Vencer o Sindicato e a Naval (clube que tinha apenas cinco dias de preparação) foi pronúncio errado. Os desafios diante de Trofense, Santa Clara, Feirense e Paços de Ferreira serviram para demonstrar nítidas debilidades no colectivo.
Assumir como objectivo fazer melhor que o 12.º lugar da época passada pareceu-me uma estratégia positiva. Leonardo Jardim procurou, logo desde o início, colocar alguma água fria na fervura dos ávidos pela subida.
O problema maior reside na política de contratações. Jogadores desconhecidos, primeiro; jogadores contratados e, logo de seguida, dispensados. Os que ficam não mostram que acrescentem valor aos que já cá estavam. Para agudizar a situação, as exibições produzidas ajustam-se, na perfeição, às derrotas averbadas.
Ser campeão da pré-temporada não é motivo de orgulho nem é o que se quer. Damos de barato esse título. Mas ganhar embalagem vitoriosa e, melhor do que isso, mostrar argumentos convincentes de uma boa época são atributos que caem bem e nos fazem felizes. O que importa é ganhar quando há eliminatórias, dinheiro e pontos em jogo. Ai sim, devemos exigir sucesso e reclamar sentenças.
De momento, será necessário dar o benefício da dúvida. Diante do Freamunde, por ser o primeiro jogo a sério, a exigência é a mesma que a necessidade: vencer!
Sabedor de tudo isto está o técnico. Porque no futebol o «chicote» está sempre à entrada da porta do balneário pronto a estalar. Esta é a evidência do mundo da bola, onde as meias-palavras não servem.

quarta-feira, julho 15, 2009

De nariz torcido


Vi, com atenção, o jogo frente ao Trofense. Já com algum tempo de trabalho, o Beira-Mar podia e devia ter feito mais e, nitidamente, melhor.
"O primeiro milho é para os pardais", dizem. Sendo a feijões, como foi, o Trofense esmerou-se para vencer e convencer. O Beira-Mar desiludiu-me. Foi mau de mais. Não teve ponta por onde se lhe pegasse. No final, 0-3 e não houve pontos para ninguém.
Ainda assim, fica o alerta: ou a coisa muda, ou...

sexta-feira, julho 03, 2009

Fora do âmbito desportivo



O Professor Doutor Amadeu Carvalho Homem, meu prezado amigo, teve a amabilidade de me convidar a escrever uns artigos de opinião no seu ilustre blogue, denominado Cultura Outra.

O primeiro já lá está!

quinta-feira, julho 02, 2009

Apareçam...


... e joguem futebol, matraquilhos e, claro, Bilhar. Há imagens da final da Taça de Portugal, adereços alusivos ao Beira-Mar para comprar. É, enfim, a Expo que faltava ao clube.

Um evento que faz eco da vivacidade do nosso clube.

Este esforço merece o nosso agradecimento. Para além da presença, façam lá o favor de actualizarem o estado de associado.

quarta-feira, julho 01, 2009

Quem gostar de Bilhar...



... participe, jogando no Beira-Mar.